Dança Cigana

Conheça mais sobre este povo mágico e envolvente!

 

Aulas as segundas - 19h30 as 21h  - 1 x por semana

  

 Professora: Yara Portes

Formação: SPDERJ (Sindicato dos Profissionais da Dança do Estado do Rio de Janeiro) - RG nº 17744. 

Dança Cigana sem limite de idade e sem pré-requisito, para homens e mulheres.

 

A Dança Cigana  encanta e traz benefícios para a saúde física, mental e emocional.

Estimula determinados pontos energéticos do corpo, libera tensões, ansiedades e angústias que, de forma consciente ou inconsciente, acabamos por somatizar. Através dos movimentos de captação e liberação de energia, ocorre um desbloqueio energético, tornando nosso ser mais leve e harmonioso. A dança cigana estimula o chakra cardiaco, portanto é benéfica no tratamento da depressão, auxilia na liberação de sentimentos reprimidos e promove o encontro com a alegria interior.

Nosso propósito, além do ensino tradicional da dança e da cultura cigana, é transmitir os fundamentos místicos que cada passo traz em sua essência, desenvolvendo assim uma consciência artística mais ampla e sutil.

Venha fazer uma aula experimental conosco! Agende sua visita.

Aulas às segundas das 19:30 às 21:00

1 x por semana

  

 

Shows com a Cia de dança Portal do Oriente

 

A Companhia de Dança Portal do Oriente, vinculada ao Instituto Dharma, tem por objetivo resgatar a cultura e a tradição de povos ainda incompreendidos, como o cigano, o judeu e o árabe. Através dos nossos shows, levamos ao público a beleza e a riqueza cultural de cada um desses povos, promovendo o espírito de união, fraternidade e respeito às diferenças.

 Com essa integração, transmitimos uma mensagem de igualdade. Cada ser humano carrega em si a centelha divina, portanto não existe diferença na essência dos seres. Devemos nos preocupar em olhar o bem, ou seja, os aspectos positivos de cada etnia. Que essas qualidades sirvam de exemplo a nós mesmos, no convívio com o outro, contribuindo assim para nossa evolução pessoal, social e espiritual.

 Nossa proposta é mostrar ao grande público, como são, agem, vivem e pensam essas etnias. Queremos entreabrir as portas que separam o real do imaginário, o conhecimento da ignorância, a escuridão da luz, a consciência da incompreensão.

 

 

 

 

Enviar comentário

bsd b20 show fsN tsN fwB left c10se|center fsN tsN fwB|show c05 left fwB|sbne|bsd b10 c10|image-wrap|news login c10 c05 fwR tsY b01 b02 bsd|b01 c05 normalcase uppercase bsd|normalcase fwR tsY|news login c05 b01 normalcase uppercase bsd|c05 tsN normalcase b01 b02 uppercase bsd|b01 c05 normalcase uppercase tsY bsd|content-inner||