Medicina Chinesa

Terapeuta: Christiano Bacelar

  (CREFITO2 - 40713-F)

 

ACUPUNTURA: é uma terapia complementar oriental que trabalha a força vital através de pontos específicos denominados meridianos. Segundo esta terapia, nosso corpo possui um fluxo de energia (chi), que, ao ser interrompido, interfere no equilíbrio de todo o organismo. Com a perda do equilíbrio, conseqüentemente, surge a doença física ou emocional. O terapeuta trabalha este fluxo de energia vital através da inserção de agulhas em pontos específicos do corpo, com o objetivo de equilibrá-lo. Estes pontos podem ser estimulados também por pressão ou calor.  Esta terapia complementar tem seus efeitos reconhecidos na medicina ocidental. 

 

VENTOSA: o uso de ventosas como forma de terapia(ventosaterapia) tem como base a acupuntura e os seus respectivos pontos e meridianos, produzindo efeitos reflexos quando aplicada sobre os mesmos. O objetivo do tratamento é limpar o organismo através da eliminação de células doentes e toxinas do sangue, estimulando a circulação e trocas gasosas. As ventosas são aquecidas antes de serem colocadas numa determinada região do corpo ou então retira-se o ar de dentro delas quando são posicionadas na pele, criando assim o vácuo responsável pela sucção. A sucção abre os capilares (vasos sanguíneos muito pequenos) e os poros, a circulação sanguínea é ativada, ocorrem trocas gasosas e o sangue é oxigenado. Estes processos removem as toxinas e as células doentes do sangue, promovendo uma limpeza do corpo.

 

MOXA: são utilizadas fontes de calor (sem queimaduras) que desobstruem pontos de dor, frio e tensão liberando a circulação da energia do corpo. Tradicionalmente são utilizados bastões de artemísia para aquecer os pontos. O calor pode ser conduzido por meio da agulha de acupuntura ou simplesmente pela aproximação da pele. O calor da moxa remove bloqueios de energia e do sangue que obstruem o fluxo de energia pelos meridianos. Ele elimina a umidade e o frio que promovem disfunções no organismo, equilibrando a energia Yin/Yang, aumentando a longevidade e vitalidade. A aplicação da moxabustão é eficaz para: fadigas, dores em geral (lombalgias, lesões musculares e tendinites), enfermidades crônicas, debilidade do organismo, doenças degenerativas (artroses), problemas de idosos, crianças e atletas. Muito utilizada na prevenção de doenças e em casos em que eventualmente as agulhas não possam ser usadas na manutenção da saúde.

 

OSTEOPATIA:  neste método utilizamos a Terapia Manual que permite detectar e tratar áreas afetadas do corpo. Através de técnicas de mobilizações e manipulações, age sobre estruturas do corpo, como músculos, ligamentos, nervos, articulações e órgãos. Normalmente estes problemas são maiores na coluna vertebral, onde o Osteopata consegue através das mãos e sem cirurgia, recolocar as vértebras na sua posição anatômica. Ao contrário do que muitas pessoas pensam, a Osteopatia não é um conjunto de técnicas manipulativas agressivas com o intuito de colocar o que esta fora no lugar ou que é apenas uma técnica da fisioterapia. Na realidade ela é muito mais do que isso, é um meio de cura de grande eficácia, que é praticado em todo o mundo principalmente nos Estado Unidos e Europa, onde existe ampla aceitação do seu valor. A Osteopatia adota o conceito da medicina “da pessoa com um todo” considera o sistema de músculos, ossos, articulações especialmente da coluna e até vísceras como reflexos da doença no corpo e também responsáveis pelo inicio dos processos patológicos. O Osteopata examina detalhadamente o paciente tendo em mente descobrir aquilo que está estruturalmente incorreto. Com técnicas sutis e de grande precisão procura recuperar a função saudável daquele sistema. As técnicas osteopáticas podem ser aplicadas sobre as estruturas do corpo como: músculos, ossos, nervos, artérias e até vísceras, utilizadas para tratar as mais diversas queixas e patologias. Entre as principais e com excelentes resultados registrados estão: as dores articulares como Artrites e Artroses, problemas de coluna como Hérnias de Discos, Ciáticas e Escolioses, ou as conhecidas tendinites e bursites.

 

Enviar comentário

bsd b20 show fsN tsN fwB left c10se|center fsN tsN fwB|show c05 left fwB|sbne|bsd b10 c10|image-wrap|news login c10 c05 fwR tsY b01 b02 bsd|b01 c05 normalcase uppercase bsd|normalcase fwR tsY|news login c05 b01 normalcase uppercase bsd|c05 tsN normalcase b01 b02 uppercase bsd|b01 c05 normalcase uppercase tsY bsd|content-inner||